Blog

Gripe ou Resfriado? Entenda as diferenças entre uma doença e outra

RV Ímola 06/07/2017
0 Comentários

 

Um dia acordamos indispostos, notamos que o nosso nariz está congestionado e passamos a espirrar com alguma frequência. Esses sintomas, bastante comuns em diferentes épocas do ano – mas, especialmente, no inverno –, causam certa confusão, pois não sabemos ao certo que doença nos acomete: se é uma gripe ou um resfriado.

 

Num primeiro momento, as duas causam efeitos similares ao corpo. Mas as diferenças não demoram a aparecer.

 

A gripe, causada pelo vírus influenza, é muito mais forte, e, durante dois ou três dias, nos deixa incapacitados de exercer qualquer atividade devido às febres que chegam a 38ºC.

 

Já os resfriados, embora igualmente incômodos, não trazem maiores consequências. Normalmente não causam febre, nem dores pelo corpo. Seus agentes também são outros; aliás, muitos. Os resfriados podem vir de centenas de diferentes tipos de vírus; sendo os mais comuns os Rhinovírus.

 

Os tratamentos também são praticamente os mesmos. Mas, no caso da gripe, é preciso ter maior cuidado, pois esta pode causar graves complicações, como a pneumonia.

 

Frio favorece, mas não é a causa

 

Na transmissão da gripe ou resfriado, o problema não é o frio propriamente dito, mas as condições criadas para a disseminação do vírus nessa situação. Por exemplo, as aglomerações que se formam em ambientes fechados nessas situações e a proximidade entre as pessoas.

Além disso, o clima seco típico das baixas temperaturas resseca a mucosa que reveste as vias respiratórias, deixando-a vulnerável à entrada dos vírus.

 

Então, sabe dizer se está gripado ou resfriado? Confira abaixo as principais diferenças entre as duas:

 

Gripe Resfriado
Sintomas Tosse, congestão nasal, coriza, dor no corpo e dor de garganta leve Idem
Febre Acima de 38º Na maioria das vezes, não há
Duração 2 a 5 dias 3 a 7 dias
Complicações Problemas pulmonares, como pneumonia, ou cardíacos Infecção aguda de ouvido (otite média) ou sinusite
Transmissão Por contato direto a pelo menos dois metros Idem
Contágio Até 2 dias após a febre Durante os 3 primeiros dias de sintomas

 

Deixe uma resposta

Voltar