Armazenagem de material hospitalar: principais erros logísticos - RV ÍMOLA

Blog

Armazenagem de material hospitalar: principais erros logísticos

RV Ímola 25/05/2021
220 Comentários

Armazenagem de material hospitalar realizada com carência de atenção e cuidado, gera consequências prejudiciais para insumos e medicamentos.

 

Para uma armazenagem de material hospitalar de acordo com as normas, as empresas precisam deter de uma estrutura organizada e adequada, como é o caso de empresas de soluções em logística como a RV Ímola, que está sempre atenta às normas das ANVISA e outros órgãos de fiscalização para sempre se manterem de acordo com os padrões estabelecidos. Armazenagem de material hospitalar

 

Por isso, reforço que principalmente agora, nesta fase de imunização contra a Covid-19, é fundamental uma logística de medicamentos realizada sem erros para que não atrapalhe a qualidade das vacinas e demais insumos hospitalares. 

 

Quais são essas falhas tão prejudiciais ao sistema de saúde? 

É preciso ficar atento nas normas e se adequar conforme o padrão exigido por lei. Confira abaixo algumas dessas falhas:

 

Desordem na armazenagem de medicamentos

 

Eu digo que um erro primário é a falta de organização na armazenagem de insumos hospitalares. É necessário ter um ambiente que suporte ser abastecido com medicamentos que, muitas vezes, possuem particularidades que devem ser atendidas para que não ocorra a perda de sua eficácia. 

Além disso, registrar cada item estocado garante maior controle de entradas e saídas possibilitando uma melhor visão das futuras necessidades de compra. Assim como fazer uma separação pelos itens que têm maior fluxo de retiradas, é algo que otimiza tempo e facilita esta etapa. 

 

Falta de monitoramento das condições do ambiente

 

Outro problema sério é a falta de monitoramento e controle do ambiente como um todo. Estou há anos à frente da RV e senti a necessidade, ao longo da minha experiência, de aperfeiçoar os nossos serviços tendo como ponto de partida investir em tecnologia. 

Com Softwares e sistemas inovadores, conseguimos fiscalizar em tempo integral a temperatura, umidade e luminosidade tanto na armazenagem quanto durante o transporte refrigerado de medicamentos e ter esses dados sempre à disposição  nos dá a segurança de que tudo está saindo conforme o previsto. 

 

Fragilidade do material hospitalar

 

Por esses produtos hospitalares serem em sua maioria sensíveis às variações climáticas e de alta fragilidade, é preciso estar atento às especificações que cada um traz em seu rótulo, como informações sobre oxidação, explosividade e radiação. Nesse caso, uma equipe treinada e orientada por farmacêuticos se faz necessário para maior qualidade desta armazenagem de medicamentos. 

 

Portanto, erros na armazenagem de material hospitalar bem como no transporte destes produtos, devem ser evitados ao máximo para as redes de saúde e a própria indústria farmacêutica não terem prejuízos financeiros. 

 

A RV Ímola é uma empresa de soluções em logística com bastante experiência em armazenagem de produtos hospitalares , transporte de medicamentos, e muito mais. Com clientes em todo o Brasil, a empresa oferece consultoria em logística e já foi premiada várias vezes por ter soluções inovadoras. Essa é minha alegria!

Clique aqui e siga nossa página no LinkedIn.
Para mais notícias sobre gestão logística de medicamentos, armazenagem hospitalar e transporte de medicamentos, acesse aqui.

 

 

 

  • Roberto Vilela

 

 

Voltar