Conheça 4 estratégias da cadeia de suprimentos para otimizar sua empresa - RV ÍMOLA

Blog

Conheça 4 estratégias da cadeia de suprimentos para otimizar sua empresa

RV Ímola 21/10/2022
272 Comentários

Muitas empresas já sabem como é essencial o papel estratégico da logística de distribuição para o ramo comercial. No entanto, no setor farmacêutico, essa importância é ainda maior quando pensamos na sensibilidade dos produtos sendo transportados e armazenados. 

Armazenagem de medicamentos

 

Ao montar todo o ciclo logístico de medicamentos, especialmente termolábeis, é fundamental prestar atenção em determinados aspectos do processo e entender como melhorar cada etapa para chegar até o cliente final no tempo e qualidade corretos. Por isso, separamos 4 estratégias para otimizar o processo e garantir exatamente isso:

  1. Proteger as mercadorias transportadas

Empresas que trabalham com transporte de medicamentos sabem bem como o roubo de carga é um problema recorrente a ser enfrentado. Isso significa que parceiras com foco em logística como a RV Ímola precisam investir em tecnologias e mecanismos de proteção para assegurar a segurança dos produtos. 

É combinando ferramentas preventivas como sistemas de rastreamento e monitoramento, rotas inteligentes e acompanhamento constante das cargas que é possível aumentar a visibilidade e controle dos processos de distribuição para, assim, diminuir as chances de roubos acontecerem.

     2. Tornar o armazenamento de medicamentos mais seguro

Quando se pensa em fatores de risco, é possível notar que outro problema comum são incidentes dentro de armazéns, seja na chegada ou saída dos produtos. Por isso, transportadoras como a RV Ímola adotam processos de trabalho que assegurem não só que a tarefa será feita de maneira eficiente e segura com treinamentos para isso, como também investem em equipamentos como o Logimat, armazém vertical que elimina ocorrência de erros ao reduzir até 90% da área de armazenamento de medicamentos e mais de 70% do necessário para trajetos percorridos.

 

     3.Garantir o treinamento de equipe 

Mesmo com a melhor das tecnologias e avanço da automatização dos processos, o fator humano ainda merece atenção. Colaboradores precisam estar em constante contato com a inovação implementada, renovando seu conhecimento e habilidades para garantir que as ferramentas sejam usadas corretamente, com segurança e produtividade.

 

     4.Investir na frota transportadora

Medicamentos são produtos extremamente delicados e considerados perecíveis, por isso exigem muito cuidado no transporte, desde a fabricação até o cliente final. Qualquer avaria ou violação pode acarretar em uma ineficiência do fármaco, prejudicando a saúde de pacientes e impedindo a venda.

 

Um dos fatores mais importantes a se observar costuma ser a temperatura. Afinal, imagine um medicamento ser transportado em um caminhão que atravessa o Brasil inteiro e passa por todo tipo de clima, paisagem e estrada? Transportes com câmaras frias como as que a RV Ímola usa, por exemplo, são uma ótima solução para isso, pois proporcionam um acompanhamento rigoroso das condições do medicamento para que não haja perdas de qualquer tipo no meio do caminho. 

 

Cada aspecto da construção de uma cadeia de suprimentos bem administrada precisa ser avaliado com calma e planejamento para, assim, sua empresa conseguir aprimorar cada vez mais em um processo que evite perdas, dê lucro e esteja otimizado como um todo. Nessas horas, uma ótima ideia pode ser ter uma parceira como a RV Ímola, que tem mais de 20 anos de experiência no ramo e entende bem como ajustar e planejar para entregar e armazenar medicamentos da melhor maneira possível.

 

 

 

 

 

 

 

 

Por Patrícia Lazzarini

 

Voltar